fbpx
Connect with us

Variedades

Programação do fim de semana começa hoje nos segmentos da Cultura e Turismo

Hoje o City Tour terá três saídas gratuitas para a população

Publicado

on

A Prefeitura Municipal de Campo Grande, por meio da Secretaria de Cultura e Turismo (Sectur), segue com a agenda de aniversário de Campo Grande nos segmentos da Cultura e do Turismo. A programação do fim de semana está tão bacana que as ações começam já nesta sexta-feira, 06.

O City Tour terá três saídas gratuitas para a população nesta sexta-feira, a partir das 9 horas. O ônibus turístico sairá da Praça Ary Coelho, passa pela Esplanada Ferroviária e segue pela Rua 14 de Julho, até retornar ao ponto de partida.

Qualquer pessoa, desde que fazendo uso de máscara de proteção individual, pode fazer o passeio. Menores de 14 anos precisam estar acompanhados dos pais ou responsáveis. Ao todo serão 45 assentos disponíveis, de forma a respeitar o distanciamento entre pessoas.

Ainda nesta sexta, a Sectur promove a live em homenagem aos povos bolivianos em seu canal do Youtube (https://www.youtube.com/secturcg ), às 19 horas. Este projeto tem o objetivo de divulgar a cultura boliviana para perpetuar suas origens e tradições. A programação da live conta com show do Grupo Tikay de Dança, apresentação da dança tradicional boliviana, Caporales, além de um bate-papo sobre um prato típico, a saltenha, e sobre as vestimentas típicas, as roupas de Tinkus.

No domingo, 08, haverá outra live, desta vez em celebração ao Dia Municipal da Capoeira, às 17 horas, pelo Youtube da Sectur.

O secretário municipal de Cultura e Turismo, Max Freitas, fala da iniciativa da Sectur em promover a cultura das etnias. “Valorizando as diferentes etnias que compõem a nossa personalidade enquanto campo-grandenses, retornaremos com o projeto Encontro de Etnias, em que apresentamos os mais variados aspectos dos povos migrantes que deram origem à nossa cidade”, comenta.

(Com assessoria: Fotos: Divulgação)

Continue Lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Variedades

Crianças longe do celular: opções para entreter e ensinar culinária aos pequenos

Confira dicas práticas e divertidas do Fort Atacadista para fazer junto com a garotada

Publicado

on

Com o amplo acesso das crianças às telas da televisão, videogame ou celular muitas delas acabam deixando de lado as experiências de brincadeiras físicas para gastar a energia que eles têm de sobra. Com um pouco de criatividade, é possível tornar os dias mais divertidos e, de quebra, ensinar algo lúdico e produtivo. Uma das saídas é tornar os pequenos verdadeiros mestre-cucas, mostrando a eles o mundo da culinária.

Além de ser um bom passatempo, cozinhar pode ajudar quando o assunto é incentivar a alimentação saudável. Isso porque uma pesquisa feita na Universidade de Alberta, do Canadá, constatou que crianças que cozinham ou mesmo ajudam no preparo dos pratos, acabam se alimentando bem melhor. E de quebra, o contato com o universo da gastronomia vai ensiná-los muito sobre matemática, ao aprender a dosar, pesar e medir, sobre paciência, para cada etapa do prato, e sobre dedicação e empenho em cada etapa.

O colorido dos ingredientes e suas diferentes texturas já é uma grande receita para chamar a atenção da criançada.  Vale lembrar que o contato já pode começar nas compras. Na cozinha, sob supervisão de um adulto, as crianças podem iniciar com receitas mais fáceis e práticas, mas que sejam de pratos de sua preferência para tornar a experiência ainda mais envolvente. Para facilitar, confira abaixo duas das receitas campeãs quando o assunto é agradar o paladar dos pequenos.

Brigadeiro 

Ingredientes

1 lata de leite condensado

3 colheres (sopa) de chocolate em pó

1 colher (sopa) de manteiga

1 xícara (chá) de chocolate granulado

Modo de preparo

Em uma panela adicione o leite condensado, a manteiga e o chocolate em pó. Vá mexendo bem em fogo baixo até que o brigadeiro desgrude da panela. Retire, espere esfriar bem em um recipiente untado com manteiga. Depois, faça bolinhas e cubra com granulado.

Minipizza de calabresa

Ingredientes para a massa:

30g de fermento biológico fresco

1 colher (sobremesa) de sal

1 colher (sobremesa) de açúcar

3 colheres (sopa) de óleo

2 xícaras (chá) de água morna

4 xícaras (chá) de farinha de trigo

Farinha de trigo para enfarinhar

Óleo para untar

Ingredientes para o recheio:

1 xícara (chá) de molho de tomate

2 xícaras (chá) de queijo mussarela ralado

3 xícaras (chá) de calabresa em rodelas

1 cebola em rodelas aferventada e escorrida

20 azeitonas para decorar

Modo de preparo:

Em uma tigela, misture o fermento, o sal e o açúcar até ficar líquido. Depois, acrescente o óleo, a água, vá colocando a farinha aos poucos, sempre mexendo. Sove bem a massa e faça 20 pequenas bolinhas. Cubra levemente com farinha e deixe crescer por 20 minutos ou até dobrar o volume. Abra as massas com um rolo e asse em uma assadeira untada com óleo.

Para montar as minipizzas, pegue a massa pronta, fure com garfo, coloque o molho e leve ao forno, preaquecido, por 8 minutos. Retire do forno, espalhe a muçarela, a calabresa e a cebola e uma azeitona em cada e retorne ao forno pré-aquecido por cerca de 10 minutos, até o queijo derreter.

(Com assessoria. Foto: Divulgação)

Continue Lendo

Variedades

Receita Saudável: pão integral de micro-ondas

Segundo nutricionista, presença de fibras no pão favorece o controle da insulina no sangue

Publicado

on

Não há nada melhor do que um pão quentinho, ainda mais se for feito em casa. Aos que são fãs deste item indispensável, há receitas práticas e saudáveis, como o pão integral de micro-ondas.

“Uma ótima opção para quem busca substituir o pão branco, pois possui uma absorção lenta pelo organismo. A presença de fibras em sua composição auxilia ainda no bom funcionamento do intestino, além de favorecer o controle da insulina no sangue”, explica Allessyane Cleyti, nutricionista da Unimed Campo Grande.

Confira a receita!

Pão integral de micro-ondas  

Ingredientes 

– 3 colheres de sopa de aveia em flocos finos

– 3 colheres de sopa de farinha de linhaça

– 1 ovo

– 2 colheres de sopa de iogurte natural

– 1 colher de sopa de fermento em pó (bolo)

– Sal a gosto

– Azeite para untar o recipiente


Modo de preparo 

– Adicione no recipiente o ovo e o iogurte natural, e misture

– Junte também a farinha de linhaça e a aveia, e misture

– Adicione o fermento em pó, o sal e misture até ficar homogêneo

– Unte com azeite um recipiente quadrado que possa ir ao micro-ondas

– Distribua a massa de forma homogênea

– Leve para o micro-ondas em potência alta por 2 minutos

 

(Com assessoria. Foto: Divulgação)

Continue Lendo

Variedades

Atividade física na terceira idade: movimentar o corpo garante muitos benefícios

Exercitar-se pode auxiliar na prevenção ou tratamento de muitos males, especialmente nessa fase da vida

Publicado

on

Praticar atividade física traz muitos benefícios para nossa saúde, e isso vale para pessoas de todas as idades. Movimentar o corpo pode auxiliar na prevenção ou tratamento de muitos males, como depressão, diabetes, osteoporose, doenças cardíacas, além de contribuir com a qualidade de vida.

Na terceira idade, em especial, quando a mobilidade e a força muscular ficam comprometidas, praticar exercícios contribui com o equilíbrio, a coordenação motora, o fortalecimento muscular. Além disso, melhora a mobilidade e a flexibilidade articular, o sistema cardiovascular, ajuda a prevenir quedas e ainda gera mais confiança e independência para fazer as atividades do dia a dia.

Coordenadora do Programa de Atenção ao Idoso (PAI) da Unimed Campo Grande, Rafaela Araújo Maia, ressalta a importância da atividade física para os idosos. “O envelhecimento é um processo dinâmico e progressivo o qual pode acarretar restrições da capacidade física e funcional para realização das atividades cotidianas, levando ao comprometimento da independência e autonomia, e a prática regular de exercício físico para o idoso proporciona fortalecimento, minimizando o impacto deste processo, o que é   fundamental para a manutenção da sua saúde e qualidade de vida”.

Rafaela lembra ainda que o PAI é parte do Programa Viver Bem da cooperativa médica, e oferece inúmeras atividades voltadas para este público, desde que esteja cadastrado no programa. “As atividades contemplam a abordagem de temas de educação em saúde, com encontros periódicos ministrados por médicos e por profissionais da equipe multiprofissional, movimento e fortalecimento coordenados por fisioterapeuta e profissional de educação física, socialização e cultura, como dança, pintura, coral, artesanato, etc, em parceria com o Projeto 60 Mais do SESC Cultura”.

E para quem quer iniciar uma atividade nessa fase tão especial da vida, a Unimed Campo Grande dá algumas dicas. Confira!

Caminhada e Corrida   

Caminhar, no mínimo, 30 minutos por dia, ajuda a combater obesidade, melhora a circulação sanguínea, a capacidade cardíaca, a pressão arterial e a respiração e ainda fortalece os músculos. Além disso os dois exercícios são fáceis de executar.

Yoga e Pilates  

As duas modalidades auxiliam na postura, estimulam a flexibilidade e o equilíbrio e ajudam no fortalecimento da musculatura. No caso do yoga, ainda auxilia na saúde mental, tão importante quanto a saúde física.

Musculação e Ginástica  

Ajudam no fortalecimento muscular, no desempenho físico em geral, aumenta a massa magra, contribui para o alívio de dores crônicas e além de influenciar na socialização com outras pessoas.

Natação ou Hidroginástica  

Atividades aquáticas fortalecem os músculos e melhoram os sistemas cardiovascular e respiratório, causam pouco impacto por serem feitos na água, sem contar que acabam sendo também uma diversão.

Dança  

Além de muito prazerosa, a dança permite o exercício de vários grupos musculares e propicia benefícios na agilidade, coordenação motora e equilíbrio. A prática também estimula o convívio social, promovendo a interação com outras pessoas e se refletindo na autoestima do idoso.

Importante lembrar que a orientação de um médico é essencial antes de iniciar qualquer tipo de atividade física, pois permite também um direcionamento para a prática mais segura e eficaz, de acordo com as aptidões de cada idoso.

(Com assessoria. Fotos: Divulgação)

Continue Lendo

Mais Lidas

Copyright © 2021 Pauta 67